Empresários e gestores sabem da importância de uma gestão com foco em produtividade. Diante de um mercado exigente, é fundamental atuar na otimização de processos e na redução de despesas. Nesse sentido, a terceirização de serviços é uma alternativa que faz parte das estratégias corporativas. Esse modelo de trabalho tem sido cada vez mais utilizado por empresas que adotam um planejamento direcionado ao seu core business, mas que buscam mais agilidade, qualidade e especialização em todos os processos. A terceirização de serviços é capaz de trazer uma série de ganhos ao seu negócio. Conheça agora os mais importantes:

 

Os principais benefícios da terceirização para sua empresa

1. Manter o foco no core business e na estratégia corporativa

O primeiro benefício gerado pela terceirização de serviços é a possibilidade de manter gestores focados no core business, dedicando-se verdadeiramente ao negócio e à estratégia da empresa. Preocupações secundárias são compartilhadas com os parceiros, bem como a responsabilidade pela operação. Dessa forma, é possível direcionar esforços, conhecimento e energia para a aperfeiçoar a gestão, atingir os objetivos e conquistar os resultados planejados.

2. Contar com especialistas em todas as etapas da operação

Outro benefício importante relacionado à terceirização de serviços é poder contar com profissionais e equipes mais especializados e experientes, com know-how diferenciado e conhecimentos técnicos específicos, capazes de realizar as atividades previstas com mais qualidade e excelência.

Em muitos casos, a terceirização pode ser considerada uma profissionalização das tarefas. Ainda, é possível reduzir custos com treinamentos e capacitação interna, já que a responsabilidade pelo serviço passa a ser da empresa prestadora e de seus colaboradores, que devem estar preparados e devidamente qualificados para exercer as funções planejadas.

3. Reduzir custos operacionais

Os encargos e os direitos trabalhistas previstos na legislação brasileira oneram muito a folha de pagamento, obrigando as empresas a repensar possíveis contratações. Esses valores representam uma grande despesa, que pesa consideravelmente no orçamento corporativo. Em linhas gerais, a relação custo-benefício da terceirização é positiva, pois envolve custos menores se comparados com os necessários para a formação de uma equipe interna para realização das mesmas atividades.

É preciso citar também uma maior previsibilidade de custos, uma vez que nos valores pagos mensalmente à terceirizada estão inclusos os gastos com rescisão, férias, faltas e eventuais ações trabalhistas. Portanto, esse modelo de contrato colabora para o equilíbrio financeiro da empresa.

4. Priorizar os investimentos

As empresas prestadoras de serviços, sendo especializadas, investem constantemente na aquisição de novas tecnologias e na qualificação de suas equipes para manter o diferencial competitivo, oferecendo ainda mais qualidade. Isso faz com que a empresa contratante possa priorizar os seus próprios investimentos, dedicando os recursos disponíveis a projetos mais relevantes para a estratégia da organização.

5. Construir parcerias produtivas

Outro benefício trazido pela terceirização é a possibilidade de construir parcerias com os fornecedores e não apenas contratar serviços. Em alguns casos, o mais interessante é escolher uma empresa tecnicamente especializada, que tenha conhecimento e vivência no mercado e que, consequentemente, seja capaz de agregar valor e apoiar estrategicamente a gestão. Relações ‘ganha-ganha’ são sempre importantes na busca pela produtividade.

6. Otimizar o tempo de gestores e profissionais

A terceirização de serviços propicia uma sensível otimização do tempo de gestores e profissionais, já que algumas atividades passam a ser realizadas pelas empresas prestadoras. Esse processo conta ainda com a redução da sobrecarga de trabalho, a partir de uma divisão mais adequada de responsabilidades, e com a profissionalização dos processos.

Dessa forma, o capital humano pode ser direcionado a tarefas realmente importantes e estratégicas, como análises e levantamentos específicos que colaboram, principalmente, para a tomada de decisões acertadas. Entretanto, é preciso frisar que toda a terceirização deve ser supervisionada e monitorada por indicadores para que não haja qualquer possibilidade de risco à empresa.

7. Expandir o negócio de forma estruturada

Todos os benefícios já citados criam uma condição bastante favorável à expansão dos negócios. Com uma gestão focada no core business, na redução de custos, nos processos internos de qualidade e nas parcerias produtivas, é mais fácil planejar e executar ações para a expansão da companhia. Além disso, as empresas prestadoras também são capazes de sustentar o crescimento da operação sem que haja a necessidade de grandes investimentos, especialmente em infraestrutura ou tecnologia.

Os principais serviços terceirizados

Entre os modelos mais tradicionais de serviços terceirizado estão os de limpeza, recepção, manutenção predial e portaria. Atualmente, também é possível contar com as facilidades de uma e-portaria, serviço que garante o monitoramento de gerenciamento dos acessos por meio de uma central que adota procedimentos rigorosos de controle à distância. Essa modalidade assegura uma redução nos custos mensais, nas reclamações trabalhistas e nos problemas de mão de obra.

Outro setor importante é o que envolve a segurança patrimonial, contemplando equipes armadas ou desarmadas, tecnologias como a instalação de câmeras (CFTV), além de alarmes e segurança perimetral. Por se tratar de um assunto que exige grande especialização e competência – e por ser regulamentado pela Policia Federal, de acordo com a lei 7102/83, que contempla uma série de exigências burocráticas, incluindo reciclagem periódica dos vigilantes e controle rigoroso de armas e munições -, tornou-se um dos serviços mais delegados à terceirização, exatamente para garantir a segurança das instalações e também dos colaboradores. Nesse sentido, vale a pena investir em uma consultoria dedicada para analisar as particularidades de cada negócio, projetando e implantando sistemas integrados de segurança e reduzindo a vulnerabilidade dos empreendimentos.

Algumas outras atividades também entram para a lista de trabalhos terceirizados em função do próprio planejamento corporativo que prevê investimentos na profissionalização de serviços. Bons exemplos são a contratação de empresas especializadas em processos de RH, como recrutamento e seleção, treinamento, elaboração de políticas internas e aplicação de pesquisas de clima organizacional e, ainda, de agências de marketing para elaboração de estratégias de divulgação da marca, atração e fidelização de clientes.

A terceirização de serviços deve ser bem analisada e é fundamental que esteja alinhada às necessidades e expectativas do negócio, de modo a colaborar significativamente para os resultados da empresa.

As leis que envolvem a terceirização de serviços

É muito importante conhecer detalhes da legislação que rege a terceirização de serviços no Brasil a fim de tomar os cuidados necessários com esse modelo de contrato e evitar reclamações e problemas futuros. Atualmente, a lei permite terceirizar apenas as atividades-meio, ou seja, aquelas que não estão diretamente relacionadas ao core business da empresa. Entretanto, vale lembrar que está em trâmite o Projeto de Lei nº 4.330/04 que propõe novas regras para terceirização no país, incluindo a possibilidade de contratação das atividades-fim. É interessante acompanhar o processo de aprovação deste projeto, que ainda prevê outras alterações, e realizar os ajustes necessários.

Sua empresa já adotou a terceirização de serviços? Divida conosco quais foram os principais benefícios trazidos por esse novo modelo de trabalho. Compartilhe nosso post em suas redes sociais e faça seus comentários!